Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,88 3,88
EURO 4,35 4,35

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .

OAB/RJ sedia lançamento do livro Histórias que vivi na História

              Nádia Mendes Na noite desta terça-feira, dia 21, a Comissão de Direitos Humanos e Assistência Judiciária (CDHAJ) da OAB/RJ promoveu o lançamento do livro Histórias que vivi na História, de Nilmário Miranda, que fala sobre os avanços e retrocessos das conquistas sociais no Brasil.  O autor exerceu vários mandatos como deputado federal e estadual por Minas Gerais e também foi secretário nacional de Direitos Humanos entre 2002 e 2005. O evento aconteceu no Plenário da Caarj.   O secretário-geral da OAB/RJ e presidente da CDHAJ da OAB/RJ, Álvaro Quintão, fez a abertura do seminário. "A ideia foi  fazer um evento onde a gente pudesse viver um pouco dessas historias que o Nilmario vem contando", disse.   No encontro, Miranda fez um histórico da política do Brasil contemporâneo, que se mistura com a sua militância pessoal pelos direitos humanos. Segundo ele, na história recente do país sempre que o povo se movimenta, vem um golpe. "O AI-5 [Ato Institucional nº 5, decreto emitido pela ditadura militar em 1968] foi um dos piores momentos da história do país. Entre outras coisas, o ato acabou com o habeas corpus por crimes de motivação política. Qual era o papel do advogado sem habeas corpus? O Poder Judiciário perdeu sua autonomia e sua independência, o que é fundamental em uma democracia", disse.   Compuseram a mesa do encontro o secretário executivo da CDHAJ, Italo Pires Aguiar, a membro da CDHAJ Nadine Borges e a deputada Renata Souza, presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e Cidadania da Alerj. 
22/05/2019 (00:00)
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia