Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,71 3,71
EURO 4,27 4,27

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .

STJ promove seminário sobre o custo e o uso predatório da Justiça

O fenômeno cultural da judicialização e o impacto de ações desnecessárias no Judiciário serão discutidos, em 21 de maio, no seminário “Acesso à Justiça: o custo do litígio no Brasil e o uso predatório do Sistema de Justiça”, em Brasília. Promovido pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça) e pela Fundação Getúlio Vargas (FGV Projetos), o evento terá a participação de dez ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) e do STJ e de conselheiros do CNJ (Conselho Nacional de Justiça). O seminário acontecerá das 8h30 às 19h, no auditório externo do STJ. A coordenação científica do evento será dos ministros do STJ Luis Felipe Salomão e Villas Bôas Cueva e do conselheiro do CNJ Henrique Ávila. Leia também: ‘A jurisprudência não pode ser casuística’, diz Luiz Fux AMAERJ apoia Simpósio de Direito em Harvard TJ-RJ inaugura Biblioteca desembargador José Carlos Barbosa Moreira Participarão do seminário os ministros do STF Cármen Lúcia (presidente) e Dias Toffoli (vice-presidente), e do STJ Laurita Vaz (presidente), Maria Thereza Moura, Raul Araújo, Marco Aurélio Bellizze, Marco Aurélio Buzzi e Herman Benjamin, e os conselheiros Arnaldo Hossepian e Fernando Mattos. Durante o evento, serão debatidos temas como a racionalização do sistema de justiça mediante o gerenciamento do processo; o problema da judicialização da saúde; os caminhos para a desjudicialização; o papel dos juizados especiais e das Defensorias Públicas para a otimização do sistema justiça, além de meios alternativos para a solução de conflitos. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui. Confira a programação completa.
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia